Pé plano ou conhecido “pé chato” é um formato especifico do pé com diminuição do arco plantar ou seja o pé não tem aquele formato curvado na parte inferior. Normalmente acontece em bebês e em alguns casos persiste até a idade adulta.

As causas podem ser predisposição genética ou até mesmo malformação óssea, em alguns casos a pessoa sofre com fortes dores. O pé plano pode se desenvolver na idade escolar entre 2 e 6 anos e por isso é necessária atenção dos pais e responsáveis pela criança. Em adultos, o pé chato muitas vezes não causa maiores problemas, mas em casos específicos, uma consulta médica é recomendada para evitar surgimento de desequilibrio mecânico, atrofia dos musculos, forte fadiga e até mesmo ruptura do tendão. As formas mais conhecidas para prevenção do pé plano são fazer alongamentos, usar sapatos confortavéis levando em consideração seu tipo de pisada e pé, estar dentro do peso adequado para cada idade, genêro e altura.

No caso do uso de palmilhas posturais, ainda não existe uma recomendação exata, o mais indicado é o uso de palmilhas que melhoram o posicionamento do calcâneo e em outros casos, uma peça podal para levantar o arco. As palmilhas posturais possuem formatos adaptados para cada tipo de pisada e pé, mas no caso do pé plano, os formatos não correspondem ao tipo necessários para o tratamento. Alguns especialistas dizem que caso a postura errada seja causada pelos pés planos, então uma cirurgia de correção deve ser realizada para assim começar o uso da palmilha postural indicada para obter resultados mais notaveis e duráveis. Em sua maioria, quem tem pé plano não faz tratamento com palmilhas posturais e sim com ortopédicas ou outros aparelhos indicados por fisioterapeutas e ortopedistas.