Que os pés dizem muito sobre nossa saúde, isso já sabemos. O que talvez muitos não saibam é que analisar a sola dos sapatos pode revelar muito sobre a saúde dos seus pés e assim ditar cuidados para o corpo todo.

Caso você sinta um forte alívio ao chegar em casa e tirar os sapatos, então o fique em alerta, isso pode ser um indício que algo não anda bem em seus pés ou alguma outra parte de seu corpo. Primeiramente, se sente esse alívio, o seu sapato não está fazendo bem aos seus pés. A dica é: observe se o calçado tem um lado mais gasto – caso isso seja notável, indica que existe uma má distribuição de peso em seus pés e sua pisada é errada.

Pés saudáveis não tem deformidades e sua pisada tem pontos para uma distribuição correta do peso conforme a intensidade da atividade realizada. O pé é uma das estruturas mais fortes do corpo, já que aguenta um impacto de até 4 vezes o peso do corpo.

Algumas doenças neurológicas deixam os músculos mais fracos e consequentemente podem deixar o pé chato ou cavo – para quem tem esse tipo de deformidade nos pés, o uso de palmilhas é muito indicado e vai tratando a longo prazo esse desconforto. Para as mulheres, o mais indicado é usar saltos de até 4 cm para evitar lesões no músculo da panturrilha. No caso das crianças, o melhor é brincar descalço e evitar os chinelos de plástico, pois eles aumentam as chances de quedas e acidentes.

Faça exercícios em casa para melhorar e acordar os músculos dos pés e pernas, como por exemplo: pela manhã sentar na cama, cruzar as pernas e com os polegares das mãos, massagear todo o pé, inclusive os dedos. Depois, para alongar, a pessoa pode colocar a mão aberta ou um cinto na planta do pé e puxá-lo em direção à canela.

Pode parecer clichê sim, mas a prevenção e a atenção são sim os melhores remédios. Fique de olho em todos os sinais do seu corpo e não se esqueça que tudo pode começar em seus pés.