Muitas pessoas acreditam que comprar um tênis de boa marca, com amortecedores e aparentemente confortável é o suficiente para praticar seus exercícios diários e corridas de forma saudável.

No entanto, existem diferentes tipos de pisada para cada pessoa e esse fator interfere muito na escolha dos tênis, tanto para a saúde dos pés quanto para melhor performance nas atividades físicas. Como abordado em artigos anteriores, os tipos de pisada são neutral, pronada e supinada.

Para os que possuem pisada neutral, o que corresponde em média a 45% da população mundial, não há muito com o que se preocupar, uma vez que o peso do corpo é uniformemente distribuído por todo o pé. No tênis ideal para esse tipo de pisada deve-se somente certificar-se de que o calçado é de boa qualidade e possui amortecedores leves ao longo de toda a base. A pisada neutral pode ser considerada como a pisada mais correta, porém também está sujeita a lesões, por isso em caso de desconforto sempre consulte um profissional que poderá fazer testes e recomendações como o uso de palmilhas posturais adequadas dependendo do caso.

O tênis ideal para quem possui pisada pronada, cerca de 50% da população mundial, é aquele que apresenta o solado levemente curvado ou plano com amortecedores e sutil controle de estabilidade, já que nesse tipo de pisada a pessoa tende a rotacionar o pé para dentro jogando o peso do corpo na parte interna dos pés.

Por último, no caso da pisada supinada, que corresponde a aproximadamente 5% da população mundial, os tênis mais indicados são aqueles com amortecedores altamente desenvolvidos e reforçados com gel ou molas, por exemplo, além de controle de estabilidade e solado em curva.

Você pode descobrir o seu tipo de pisada consultando um profissional especialista antes de comprar seu par de tênis. Além de fazer recomendações acerca do tênis, ele também poderá indicar palmilhas esportivas para contribuir ainda mais em cada caso.