Quem sofre com alguma patologia, sabe bem como ela é desconfortável e o quanto pode atrapalhar o dia a dia. Em conjunto com outros tratamentos, a prática de alongar-se diariamente pode ajudar a diminuir significativamente os desconfortos causados pela fascite plantar.

Separamos algumas dicas para você realizar alongamentos em casa e assim promover um bem estar maior em seu corpo:

  • Sente-se com a perna a ser alongada estendida à frente do corpo. Envolva o pé lesionado com uma toalha e, cuidadosamente, puxe-o em direção ao corpo. Mantenha por 30 segundo essa posição e repita por mais 2 vezes.
  • Em pé, estenda os dois braços na altura do peito e apoie-se em uma parede.A perna a ser alongada deve ser posicionada mais afastada da parede e permanecer esticada, com o calcanhar no chão. A outra perna deve ficar flexionada, próxima à parede. Lentamente, incline o corpo em direção à parede. Assim que começar a sentir a panturrilha ser alongada, conte 30 segundos e troque de perna. Esse exercício pode ser feito 3 vezes.
  • Fique de pé e apoie a parte dianteira do pé lesionado na borda de um degrau. Sem apoiar o calcanhar e o mediopé, tente alcançar a base do degrau, até sentir que o arco do pé está sendo alongado. Mantenha-se nessa posição por 30 segundos. Relaxe por alguns segundos e repita mais duas vezes o exercício.

Dedicar um pouco do seu tempo para esses momentos de alongamento e logo irá perceber que seu corpo irá “despertar” e você se sentirá mais disposto e com menos dores pelo corpo.

Fique de olho em seus pés porque eles indicam se algo está errado em seu corpo e organismo. Pequenos sinais mostram que algumas atitudes fazem toda a diferença e previne futuros transtornos.

Acompanhe nossas redes para ficar sabendo das últimas novidades do mercado e ter as melhores dicas.